Novembro, 1995
Coração é terra que ninguém manda.
CapaCapa TextosTextos ÁudiosÁudios PerfilPerfil ContatoContato
Textos

15.000 Leituras, GRATIDÃO!
 
A cada nova leitura, novo comentário, meu coração transborda de felicidade. Nem em meus melhores sonhos, ousei chegar tão longe assim. Sentia vergonha dos meus escritos, sempre preocupada com o que os outros diriam, quando na verdade, o que realmente importava acontecia ali, dentro de mim. Devagarzinho, sigo ganhando meu espaço, como dizem alguns amigos: "Ganhando meu lugar ao sol". Talvez, seja isso mesmo!

É uma honra fazer parte do Recanto das Letras e ter o privilégio de receber mensagens incríveis, visitas inspiradoras, comentários, elogios e críticas para o meu amadurecimento. Observo, leio, presto atenção, pois acredito que sempre podemos aprender mais e mais. Não há palavras que expressem o que sinto hoje (e todos os dias). Aqui se tornou minha casa e é muito bom ver que essa casa está sempre cheia e quentinha.

Obrigada à todos que reservam um pouco do seu tempo, para ler os escritos dessa humilde escritora (amadora), pernambucana e aventureira. Depois de três meses na querida Paraíba e nove meses na Terra da Garoa, estou de volta ao meu querido Pernambuco, a minha linda Recife... Feliz, renovada e com experiências lindas (e dolorosas) no peito.

Delicioso estar de volta à minha terra.
Abençoada por ter pessoas incríveis ajudando a divulgar minha arte.
Feliz por mais uma marca incrível aqui no Recanto.
Nada a reclamar, só agradecer!

Um xero.
Deus nos abençoe e nos proteja.
Giselle Aureliano, Intensidades.
Intensidades
Enviado por Intensidades em 16/07/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários